Busca

Notícias

Início » Notícias » Servidores são capacitados em desenvolvimento industrial e gestão de resíduos sólidos, no Japão
conteúdo principal

Servidores são capacitados em desenvolvimento industrial e gestão de resíduos sólidos, no Japão

11/09/2019

Servidores do estado do Pará estão no Japão participando de treinamento nas áreas de desenvolvimento industrial e de gestão de resíduos sólidos. Os cursos são disponibilizados pela JICA (Japan International Cooperation Agency) em parceria com o Governo do Estado do Pará, por meio da Secretaria de Planejamento (Seplan). “Desenvolvimento industrial regional considerando recursos locais” é o curso do qual participa o diretor de ciência e tecnologia da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), Demethrius Lucena. O servidor da Secretaria de Turismo (Setur), Daniel Neri Pantoja, faz o treinamento para o desenvolvimento de conhecimentos relacionados à gestão eficiente dos resíduos sólidos.

“A experiência tem sido de crescimento para o nosso Estado. É com grande satisfação que percebo que muita coisa que estamos vendo aqui será útil para o desenvolvimento do Pará”, enfatiza Demethrius Lucena. Ele relata que o treinamento teve início no dia 31 de agosto, na cidade de Kyushu, porém, várias outras cidades japonesas ainda serão visitadas durante o curso “que funciona como uma consultoria especializada e em todos os momentos trabalhamos com dados reais e problemas que enfrentamos como, por exemplo, a necessidade de desenvolvimento das cadeias produtivas de frutas, hortaliças e pescado”.

A partir do treinamento prático sobre como as indústrias locais do Japão funcionam, a expectativa é de que sejam identificadas maneiras de adotar estratégias que possam atender às necessidades do Pará. “Formamos um grupo comigo, único representante do Brasil, e dois representantes da Argentina para tratar do apoio ao desenvolvimento da cadeia produtiva do pescado e resolvemos escolher como tema a produção do pescado no Pará”, aponta Demethrius. “O nosso plano de ação vem precedido de um plano de negócios e estamos utilizando as ferramentas de planejamento estratégico mais avançadas para desenvolvê-lo. Mas é só um exemplo de vários outros que poderemos executar a partir do conhecimento agregado pelo curso”.

Seleção - Para que pudessem participar dos treinamentos, tanto Daniel Pantoja, quanto Demethrius Lucena passaram por processos seletivos que atenderam a critérios estabelecidos pela própria JICA. A Seplan foi a encarregada de receber os documentos dos interessados, pelo Estado do Pará, e encaminhá-los à JICA, responsável pela seleção nacional dos candidatos e divulgação do resultado final.

Texto: Cintia Magno (Ascom/Seplan)
Fotos: Divulgação