Busca

Notícias

Início » Notícias » Servidor da Sectet concorrerá a vaga para curso oferecido pela JICA
conteúdo principal

Servidor da Sectet concorrerá a vaga para curso oferecido pela JICA

15/07/2019

O servidor da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), Demethrius Pereira Lucena de Oliveira, foi o vencedor da seletiva estadual que teve como objetivo selecionar um representante do Pará para concorrer a uma vaga do curso "Industrial Development and promotion utilizing local resouces", ofertado pela JICA (Japan International Cooperation Agency) em mais uma parceria com o Governo do Estado do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan).  

A seleção estadual foi realizada pela Seplan com base nos requisitos estabelecidos pela JICA. Com isso, agora a documentação do servidor Demethrius Pereira Lucena de Oliveira seguirá para o escritório da JICA, responsável pela seleção nacional e definitiva dos candidatos que efetivamente irão participar do curso que ocorre no período de 31 de agosto a 03 de outubro, no Japão. O resultado final desta seleção deverá  ser divulgado pelo escritório da JICA, ou pela Embaixada do Japão, até 31 de julho de 2019. 

Curso - Considerando a abundância de recursos culturais, históricos, naturais e de características geográficas próprias que todo país detém, o curso tem como propósito identificar como é possível utilizar tais recursos em prol do desenvolvimento regional.  

De acordo com o manual do programa oferecido pela JICA, o treinamento tem como objetivo possibilitar que os participantes sejam capazes de “considerar a implementação de políticas e atividades de desenvolvimento industrial e promoção regional através do aprendizado de práticas realizadas no Japão com foco no desenvolvimento de indústrias que utilizam recursos locais”. 

Dentro do programa, o exemplo utilizado será o da ilha de Kyushu, localizada na região sudoeste do Japão, e na qual, segundo o manual do programa, “modelos únicos de desenvolvimento industrial foram realizados”. A região é conhecida pela produção agrícola, de móveis e pela indústria têxtil. "Os participantes também aprenderão sobre os papéis do setor público, concentrando-se em políticas e medidas de apoio, incluindo aquelas que visam apoiar as pequenas e médias empresas (PME) da região”.  

A perspectiva é de que, durante o programa, os participantes visitem prefeituras e escritórios administrativos para aprender sobre políticas de promoção e apoio a medidas de desenvolvimento. Já em universidades os integrantes do curso poderão conhecer mecanismos de colaboração público-privada com a academia, por exemplo. 

Texto: Cintia Magno (Ascom/Seplan)