Busca

Notícias

conteúdo principal

Sectet ofertará capacitações profissionais em dez municípios da Região do Xingu

16/09/2016

Ofertar 700 vagas em cursos de formação continuada para trabalhadores em educação de jovens e adultos (EJA) em dez municípios da Região do Xingu. Essa é a meta do Projeto 227/2015, coordenado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Técnica e Tecnológica (Sectet), e aprovado no Edital de 2015 do Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável do Xingu (PDRSX). Para apresentar o projeto e consolidar parcerias, a Sectet, por meio da Diretoria de Educação Técnica e Tecnológica, realizou, de 12 a 15 de setembro, três seminários nos municípios de Altamira, Medicilândia e Vitória do Xingu.

Entre as ações inclusas no Projeto, destaca-se a oferta do curso “Aprimoramento de Práticas Educativas com uso de instrumentos didáticos para a dinâmica produtiva”, que tem por objetivo qualificar os trabalhadores em educação da rede pública de ensino que atuam na EJA, que serão multiplicadores das práticas educativas para os demais professores da rede. O curso será de 40 horas e está previsto para ocorrer de 07 a 11 de novembro deste ano, em Altamira (PA).

“A Educação de Jovens e Adultos no estado necessita de um olhar diferenciado, diretamente relacionado com o setor produtivo, pois seu público-alvo, em geral, já está inserido no mercado de trabalho ou pretende acessá-lo tão logo conclua sua formação básica”, destaca o Diretor de Educação Técnica e Tecnológica da Sectet, Luis Blasques.

Participaram dos seminários secretários de Educação, coordenadores da EJA e representantes dos Sindicatos dos Trabalhadores em Educação dos municípios de Altamira, Porto de Moz, Senador José Porfírio, Vitória do Xingu e Brasil Novo, além do Instituto Avaliação (gestora do PDRSX) e da câmara técnica de Educação do PDRSX. Na ocasião, os secretários assinaram o Termo de Adesão ao Projeto 227/2015 e se comprometeram a auxiliar a Sectet a executar as ações previstas.

Confira mais fotos dos seminários aqui.

Texto: Ana Carolina Pimenta (Ascom Sectet)