Busca

Notícias

Início » Notícias » Sectet e Fapespa realizam 3ª edição do Seminário de Inovação e Geração de Oportunidades
conteúdo principal

Sectet e Fapespa realizam 3ª edição do Seminário de Inovação e Geração de Oportunidades

28/03/2018

Na manhã desta quarta-feira (28), ocorreu a 3ª edição do Seminário de Inovação e Geração de Oportunidades (Sigo), realizado pela Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas (Fapespa), em parceria agora com a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet). O objetivo do seminário, que ocorreu no auditório da secretaria, é promover encontros periódicos para divulgar o resultado de projetos apoiados pelos dois órgãos, além de apresentar ao público o Programa Inova Pará, coordenado pela Sectet, bem como potencializar o desenvolvimento de ações inovadoras realizadas no estado, com oportunidade de transformar ideias em negócios.

Na ocasião, o diretor científico da Fapespa, Helder Mello, explicou que o evento é uma forma de disponibilizar os resultados das pesquisas financiadas pela Fundação. “É uma maneira de mostrar como o uso da verba pública se torna eficiente. É uma responsabilidade nossa fazer com que a sociedade tome ciência dos resultados da pesquisa para que, inclusive, opine, sugira, critique. É importante também termos o retorno dos professores e pesquisadores”, ressaltou.

Nesse sentido, a secretária adjunta da Sectet, Maria Amélia Enríquez, completou destacando que o intuito da Secretaria é dar as diretrizes e o direcionamento para que haja a aproximação entre a academia e os setores produtivos. “Temos o papel de difundir no que a sociedade pode avançar aliando conhecimento às atividades produtivas, gerando mais emprego, renda e desenvolvimento ao estado”, concluiu.

Durante o seminário, o público, formado por servidores públicos, professores, estudantes e pesquisadores, pode conhecer mais sobre o Programa Inova Pará, apresentado pelo diretor de ciência e tecnologia da Sectet, Marco Antônio Lima. Já a professora doutora Roberta Coelho, do IFPA, mostrou o trabalho de “Fortalecimento das Cadeias Produtivas da Biodiversidade no Município de  Acará”, que o Instituto começa a desenvolver na comunidade de Boa Vista do Acará, por meio de convênio com a Secretaria, inserido no programa TecSocial.

O biólogo Tiago Begot, do Instituto de Ciências Biológicas da UFPA, apresentou ainda os resultados da pesquisa “Zoneamento Bioenergético do Plantio de Palma e os Impactos à Biodiversidade no Estado do Pará”, realizada com apoio da Fapespa. Por fim, os palestrantes responderam às perguntas do público. A próxima edição do Sigo será no dia 26 de abril no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá.

Inova Pará e TecSocial - O Programa Inova Pará é amparado pela Lei no 8.426, de 16 de novembro de 2016, que dispõe sobre incentivos à inovação, à pesquisa científica e tecnológica e à engenharia não rotineira, além da política estadual de incentivos fiscais. O Programa parte da premissa que, para romper com o modelo extrativista, presente na economia paraense, é indispensável que o Estado apoie a criação de Sistemas Regionais de Inovação (SRI) a fim de que propiciem suporte necessário à agregação de valor das cadeias produtivas estratégicas. Em sua concepção, o Programa acredita no potencial produtivo e inovador das distintas regiões do Estado. A execução do Inova Pará se divide em cinco etapas: Identificação qualificada de demandas regionais; Concepção do Sistema a ser implantado; Implantação de fato; Gestão dos Sistemas Regionais de Inovação; e Acompanhamento e Avaliação de Resultados.

Já o Programa TecSocial se insere, nesse contexto, com a missão  de preparar uma atmosfera favorável à implantação de tecnologias inovadoras nas comunidades, pois foi criado no intuito de fomentar e disseminar projetos de Tecnologia Social que tenham por finalidade a melhoria da qualidade de vida de populações vulneráveis, impactando positivamente para a superação de problemas relativos à realidade socioeconômica do estado do Pará.

Texto: Fernanda Graim (Ascom/Sectet)