Busca

Notícias

Início » Notícias » Oficina de biojoias e projetos sustentáveis serão atrações da 10ª Fecti
conteúdo principal

Oficina de biojoias e projetos sustentáveis serão atrações da 10ª Fecti

18/10/2019

A arte de criar adereços a partir da composição harmoniosa e criativa de sementes amazônicas e metais será mostrada na oficina “Biojoias: o uso das sementes de espécies florestais como gema orgânica”, durante a programação da 10ª Feira Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Fecti), realizada pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), de 23 a 25 de outubro, na Estação das Docas, Belém.

No dia 23, a programação da Sala Multiuso da Estação Business será voltada, especialmente para iniciativas de sustentabilidade social e ambiental. Leonardo Freitas, da Coordenadoria de Tecnologias para Desenvolvimento Social (CTDS) da Sectet, ressalta que a programação apresentará projetos sustentáveis diversificados, passando pela elaboração de protótipos de filtragem de água dos rios, voltado ao uso sustentável; projeto de captação de energia solar a partir de produtos recicláveis; e confecção de biojoias.“A oficina, inédita na Feira, faz parte de um projeto que visa a inclusão social e produtiva dos jovens e suas famílias, com oportunidade de geração de emprego e renda a partir das matérias primas de nossa região”, enfatiza Leonardo.

Painel – Com início às 9h, a Roda de Conversa e Painel Sobre Projetos Sustentáveis irá até às 12h. O primeiro projeto apresentado será a Mostra de Ciência e Tecnologia da Escola Açaí (MCTEA), de Abaetetuba. Serão mostrados os detalhes da X MCTEA, que será realizada no período de 2 a 6 de dezembro de 2019, no ginásio municipal Hildo Carvalho, em Abaetetuba.

Em seguida, será a vez do público da Feira conhecer um processo de filtragem da água de rios criado pela equipe da professora Elza Leão, do curso Técnico de Mecânica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFPA). Eles elaboraram um banco de filtração de água de rio a partir de caroço de açaí. O projeto pretende assegurar a disponibilidade e a gestão sustentável e saneamento para comunidades ribeirinhas.

Encerrando a programação da manhã, será apresentado o projeto Girassol Solar, da Unama, que capta a energia solar transformando-a em energia elétrica. O girassol é feito com materiais reciclados, como folhas de compensado, fios elétricos e canos de PVC. Com orientação do professor Carlos Rolin, propõe a elaboração de um sistema energético renovável.

Oficina – Às 14h, a oficina de biojoias será iniciada com a palestra “O uso de espécies florestais como biojoias e adornos: colheita, secagem, tratamento fitossanitário e conservação de sementes”, proferida pela pesquisadora Noemi Leão, da Embrapa Amazônia Oriental. Em seguida, a parte prática será ministrada pela artesã Jacilene do Amor Divino.

“As oficinas são realizadas sempre que temos um público interessado em trabalhar com esse tipo de artesanato para geração de renda. Elas são a forma de transferir os resultados de pesquisa obtidos nos projetos da Embrapa, que buscam identificar outras espécies que possam ser utilizadas, para aumentar a oferta de sementes para os produtores”, enfatiza Noemi Leão.

Serviço: 10ª Feira Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Fecti), realizada pela Sectet, de 23 a 25 de outubro, na Estação das Docas, em Belém.

Programação do dia 23/10
Local: Sala Multiuso da Estação Business, na Estação das Docas
9h: Escola Açaí, de Abaetetuba – Mostra de Ciência e Tecnologia da Escola Açaí (MCTEA)
10h: Projeto “Construção de banco de filtração de água de rio em 3 estágios fabricado em cerâmica extrativada e carvão ativado oriundo de caroço de açaí”, do IFPA.
11h: Projeto Girassol Solar, da Unama.
14h às 18h: Oficina “Biojoias: o uso das sementes de espécies florestais como gema orgânica”. Inscrições aqui. Vagas limitadas.

Texto: Jeniffer Galvão (Ascom/Sectet)
Fotos: Divulgação