Busca

Notícias

Início » Notícias » Diretores de faculdades da Unifesspa se reúnem com titular da Sectet
conteúdo principal

Diretores de faculdades da Unifesspa se reúnem com titular da Sectet

12/04/2019

Os diretores de institutos e faculdades da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) se reuniram na manhã da última quinta-feira (04) com o secretário de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica do Estado (Sectet), Carlos Maneschy.

Em conversa com os diretores de faculdades, Maneschy falou da importância das universidades presentes no Pará que hoje chegam a formar cerca de 300 doutores por ano e que “é necessário aproveitar as potencialidades do Estado para transformar a realidade de quem tem fragilidade social”, pontuou.

Para Maneschy, os parques tecnológicos têm muito a contribuir nessas questões. “Hoje só temos um em Belém, mas a proposta do governo é de implantar outros parques em Santarém, Xingu e aqui em Marabá, visando trabalhar em rede junto com as universidades e as escolas tecnológicas. “Queremos ainda estimular o empreendedorismo e a produção de novos negócios com a criação de ambientes de inovação tecnológica”, argumentou.

O reitor da Unifesspa, prof. Maurílio de Abreu Monteiro, frisou que no atual contexto em que as Agências Nacionais de Fomento à Pesquisa, a exemplo da Finep, Capes e CNPq, estão com orçamentos drasticamente reduzidos, as Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa assumem um papel ainda mais importante.

"Em função disso, Nós convidamos o Prof. Dr. Carlos Maneschy, presidente da Fapespa e Secretário de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica do Pará (Sectet), para que ele pudesse fazer uma exposição aos diretores das nossas faculdades sobre quais os caminhos e os encaminhamentos que podem ser dados quanto à pesquisa em nosso estado e as parcerias que podem ser implementadas com a Unifesspa. Ele aceitou e estamos muito felizes pela parceria firmada e entendemos que todos têm a ganhar com isso”. 

Também presente no evento, o reitor da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), prof. Hugo Diniz, pediu atenção especial quanto ao apoio do governo às universidades criadas recentemente e destacou que as parcerias com o estado, institutos de pesquisas e com os parlamentares têm resultado em bons frutos para o País. Ele ressaltou também que esta interação entre as universidades e os projetos institucionais é fundamental para o cumprimento dos objetivos de ambas as instituições.

Visita aos laboratórios
 


O reitor da Unifesspa Maurílio Monteiro e sua equipe acompanhou o secretário durante a visita à Unidade II do campus de Marabá, ocasião em que conheceu a equipe de professores, o Galpão de Laboratórios e toda a infraestrutura que dá suporte aos cursos da área de Exatas da Universidade.

“Nós temos vários laboratórios de Ciências Exatas e Humanas na Unifesspa. Precisamos de bolsas e aportes para maximizar o uso dessas estruturas”, ressaltou o reitor.
Já o secretário da Sectet destacou que o Programa “Bolsas Pará” terá investimento inicial de R$ 3.800.849,43. Os recursos permitirão a criação de 50 bolsas de mestrado, 30 de doutorado e cerca de 400 de iniciação científica. 

Segundo ele, as bolsas virão em forma de cotas institucionais e que serão garantidas no orçamento. Há a previsão de que essas cotas aumentem ficando 100 para doutorado, 200 para mestrado e 600 para iniciação científica.

“A pesquisa precisa criar ambientes para estimular o papel da inovação com o intuito de mudar a base produtiva do estado”, disse o secretário.

Fonte: www.unifesspa.edu.br