Busca

Notícias

Início » Notícias » Alunos de cinco turmas recebem certificados do Pará Profissional em Itaituba
conteúdo principal

Alunos de cinco turmas recebem certificados do Pará Profissional em Itaituba

24/03/2017

Na última sexta-feira (24), a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), por meio do seu diretor de Tecnologia e Educação profissional, Luís Blasques, realizou a entrega de certificados de qualificação para trabalhadores do distrito de Miritituba, em Itaituba, oeste do Pará. No total, cinco turmas foram agraciadas com o documento que registra a conclusão de cursos ofertados no âmbito do programa Pará Profissional.

O Programa tem a finalidade de ofertar educação profissional e tecnológica a fim de diminuir as desigualdades interregionais e fortalecer as cadeias produtivas prioritárias do Estado. Receberam os certificados os concluintes das turmas de Técnicas de aplicação de revestimento cerâmico e porcelanato; Técnicas de parametrização de inversor de frequência; Técnicas de leitura e interpretação de projetos da construção civil para mestre de obras; Técnicas de segurança na operação de trator de pneus; e Técnicas de segurança na operação de plataforma elevatória.

Durante o evento, ocorrido na Câmara de Vereadores de Itaituba, Blasques fez um resumo sobre as ações do Pará Profissional considerando o programa um grande avanço que visa suprir a ausência de escolas técnicas em diversos lugares, explicando que os cursos ofertados atenderam as necessidades imediatas das empresas instaladas em Miritituba. Diante do sucesso e dos elogios ao programa, destacou-se que já estão previstas novas turmas para a região.

O Pará Profissional é coordenado pela Sectet que, em Miritituba, realizou os cursos juntamente com a Hidrovias do Brasil em parceria com Amport  e SENAI de Santarém. A Secretaria também é a responsável em realizar, no Pará, o levantamento técnico das demandas para o Pronatec - setor produtivo e repassá-las ao Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), que coordena essa área do Programa, o qual também tem o objetivo de ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica em todo o país.

Texto: Fernanda Graim – Ascom/Sectet (com informações do Blog Tribuna Tapajônica)